Páginas

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Donna Summer


Donna Summernome artístico de LaDonna Adrian Gaines (Boston31 de dezembro de 1948  — Naples17 de maio de 2012), foi uma cantoranorte-americana conhecida por suas gravações em estilo disco dos anos 70 e posteriormente dance-music nos anos 80, 90 e 2000´s. Recebeu o título de Rainha da Disco. Com 37 anos de carreira, estima-se que tenha vendido mais de 130 milhões de discos. Foi a primeira artista a ter três álbuns duplos consecutivos a atingir o primeiro lugar nas paradas da Billboard nos Estados Unidos. Também teve quatro singles que atingiram o número 1 nos Estados Unidos num período de 13 meses.
Summer foi um caso raro na cena disco', pois sua carreira iniciou-se antes da "explosão" daquele estilo, e continuou após aquela fase. Apesar de ela ser uma das mais conhecidas artistas da "Era Disco'", seu repertório incluiu diversos gêneros, incluindo "rhythm'n blues" e rock, tendo ganho prêmios "Grammy" nestas categorias. Seu trabalho ainda é aplaudido pela crítica e ela permanece como uma das poucas artistas da Era Disco' ainda aceitas pela crítica atual.

Michael Jackson


Michael Joseph Jackson (Gary29 de agosto de 1958 — Los Angeles25 de junho de 2009) foi um famoso cantorcompositordançarinoprodutorempresárioarranjador vocalfilantropopacifista e ativista estadunidense. Segundo a revista Rolling Stone faturou em vida cerca de sete bilhões de dólares,[1] fazendo dele o artista mais rico de toda a história, e um ano após sua morte faturou cerca de um bilhão de dólares.[2]
Começou a cantar e a dançar aos cinco anos de idade, iniciando-se na carreira profissional aos onze anos como vocalista dos Jackson 5; começou logo depois uma carreira solo em 1971, permanecendo como membro do grupo. Reconhecido nos anos seguintes como Rei do Pop (King Of Pop), cinco de seus álbuns de estúdio se tornaram os mais vendidos mundialmente de todos os tempos: Off the Wall (1979), Thriller (1982), Bad(1987), Dangerous (1991) e HIStory (1995). Lançou-se em carreira solo no início da década de 1970, ainda pela Motowngravadora responsável pelo sucesso do grupo formado por ele e os irmãos.
Em idade adulta, gravou o álbum mais vendido e popular da história, Thriller. Jackson é frequentemente citado como "O maior ícone negro de todos os tempos", e com grande importância para a quebra de barreiras raciais, abrindo portas para a dominação da música negra na música popular, e pessoas como Oprah Winfrey e Barack Obama conseguirem o status que tem hoje em dia.[3][4][5]
No início dos anos 1980, tornou-se uma figura dominante na música popular[6] e o primeiro cantor afro-americano a receber exibição constante na MTV. A popularidade de seus vídeos musicais transmitidos pela MTV, como "Beat It", "Billie Jean" e "Thriller" são creditados como a causa da transformação do videoclipe em forma de promoção musical e também de ter tornado o então novo canal famoso. Vídeos como "Black or White", "Scream", "Earth Song", entre outros, mantiveram a alta rotatividade dos vídeos de Jackson durante a década de 1990. Foi o criador de um estilototalmente novo de dança, utilizando especialmente os pés. Com suas performances no palco e clipes, Jackson popularizou uma série de complexas técnicas de dança, como o Robot, o "The Lean" (inclinação de 45º), o famoso "Moonwalk". Seu estilo diferente e único de cantar e dançar, bem como a sonoridade de suas canções influenciaram uma série de artistas nos ramos do hip hoppopR&B e rock.
Jackson também foi um notável filantropo e humanitário, doando milhões de dólares durante toda sua carreira a causas beneficentes por meio da Dangerous World Tour, compactos voltados à caridade e manutenção de 39 centros de caridades, através de sua própria fundação. No entanto, outros aspectos da sua vida pessoal, como a mudança de sua aparência, principalmente a da cor de pele devido ao vitiligo geraram controvérsia significante a ponto de prejudicar sua imagem pública. Em 1993 foi acusado de abuso infantil, mas a investigação foi arquivada devido a falta de provas e Jackson não foi a tribunal. Depois, casou-se e foi pai de três filhos, todos os quais geraram controvérsia do público. Em 2005, Jackson foi julgado e absolvido das alegações de abuso infantil. Enquanto se preparava para uma nova turnê intitulada This Is It, Jackson morreu de intoxicação aguda do anestésico propofol em 25 de junho de 2009, após sofrer uma parada cardíaca. O Tribunal de Justiça de Los Angeles considerou sua morte um homicídio, e seu médico pessoal Dr. Conrad Murray foi condenado por homicídio culposo. Sua morte teve uma repercussão internacional instantânea, sendo motivo de comoção por parte dos fãs em muitas partes do mundo, estima-se que até dois bilhões de pessoas tenham assistido ao funeral pela televisão, já que emissoras do mundo todo transmitiram o evento ao vivo. Em março de 2010, a Sony Music Entertainment assinou um contrato de US$ 250 milhões com o espólio de Jackson para reter os direitos autorais de distribuição para suas gravações até 2017, e lançando cerca de sete álbuns póstumos na década seguinte a sua morte.[7]
Maior Artista de todos os tempos: Michael Jackson é o maior artista de todos os tempos segundo o Guinness Book por ter vendido incríveis 1,5 bilhões de gravações em toda a sua carreira e se manter nos charts musicais desde 1969.
Um dos poucos artistas a entrar duas vezes ao Rock And Roll Hall of Fame, seus outros prêmios incluem vários recordes certificados pelo Guinness World Records, incluindo "O maior artista de todos os tempos" e um para Thriller como o álbum mundialmente mais vendido de todos os tempos - 15 Grammys e 41 canções a chegar ao topo das paradas como cantor solo - e vendas que superam as 350 milhões de unidades mundialmente,[8] Jackson recebeu centenas de prêmios, que fizeram dele o artista mais premiado da história da música popular.[9] Alguns empresários da Sony já registram a incrível marca de mais de 750 milhões de álbuns vendidos à nível mundial, ultrapassando artistas consagrados como The Beatles e Elvis Presleydeixando um marco histórico no mundo da música popular. [10] Sua vida, constantemente nos jornais, somada a sua carreira de sucesso como popstar fez dele parte da história da cultura popular mundial.[11] Nos últimos anos, foi citado como "a pessoa mais famosa e conhecida do mundo"

Scorpions


Scorpions é uma banda de rock originária de HanôverAlemanha ,fundada em 1965 pelo guitarrista Rudolf Schenker, sendo a primeira banda de hard rock formada no país germânico.[8] No início eram chamadas de Nameless (aqueles sem nomes), depois passou para The Scorpions até o final de 1969, depois foram chamados simplesmente de Scorpions.[8] O primeiro álbum da banda foi o LP Lonesome Crow de 1972, com os irmãos Rudolf e Michael Schenker nas guitarras. No ano seguinte, Michael deixa a banda e foi substituído pelo guitarrista Uli Jon Roth, que gravou os álbuns Fly to the Rainbow, em 1974In Trance em 1975, Virgin Killer, em 1976 e Taken by Force em 1977. O último trabalho da "era Uli Jon Roth" é o álbum ao vivo Tokyo Tapes de 1978.
Após a saída de Roth, vem outro jovem alemão Matthias Jabs para ser guitarrista, quando começa o caminho da banda para o mercado dos Estados Unidos com o disco Lovedrive de 1979, que recebeu disco de ouro no país. Na mesma linha seguiria os discos Animal Magnetism em 1980Blackout de 1982Love at First Sting, em 1984Savage Amusementem 1988.
Na década posterior os álbuns Crazy World e Face the Heat levantou-os à categoria de banda alemã de maior sucesso, mas passou pela saída de dois dos seus membros, Herman Rarebell e Francis Buchholz. Mas eles foram capazes de mudar seu som com os álbuns Pure Instinct e Eye II Eye, que mostraram um som renovado e um toque ainda mais suave em sua carreira. No novo milênio, os projetos sinfônicos Moment of Glory e Acoustica os colocam de volta ao cenário musical, bem como os discos Unbreakable de 2004 e Humanity: Hour I de 2007. Atualmente a banda está em sua turnê depois de lançar seu álbum de estúdio Return to Forever de 2015, que os leva para os cinco continentes até 2016.[10]
Ao longo de sua carreira de mais de 50 anos, eles lançaram dezenas de singlesálbuns ao vivocompilações e alguns DVDs ao vivo e tem recebido vários prêmios em nível internacional o que torna a banda mais bem sucedida de hard rock da Alemanha.[11] Seus álbuns já venderam entre 100 e 160 milhões de cópias mundialmente.

Eagles


Formado em 1971, por Randy Meisner (baixo), Bernie Leadon (guitarra e vocais), Don Henley (bateria e vocais) e Glenn Frey (guitarra e vocais) lançaram o LP de estreia em 1972, com excelente e imediata aceitação. Depois do terceiro LP, o guitarrista e vocalista Don Felder uniu-se ao grupo. Em 1976, Bernie Leadon deixou a banda, sendo substituído por Joe Walsh. Mas ao contrário do que se poderia esperar, a alteração não prejudicou o sucesso do Eagles. Em 1980 fizeram uma série de shows com ótima aceitação por parte do público e ganharam seis Grammy.[2]
A formação atual do grupo inclui também Joe Vitale (teclados) e o baixista e vocalista Timothy B. Schmitt, substituindo Randy Meisner.
Seu hit mais famoso é "Hotel California", gravado no Criteria Studios, Miami & The Record Plant, Los Angeles.

The players

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

História da Disco

música disco (também conhecida em inglês disco music ou, em francês,discothèque) é um gênero de música de dança cuja popularidade atingiu o pico em meados da década de 1970. Teve suas raízes nos clubes de dança voltados para negroslatino-americanosgays e apreciadores de música psicodélica, além de outras comunidades na cidade de Nova York e Filadélfia durante os anos 1970. A música disco foi um movimento de liberdade de expressão, liderado pelos gays, negros e latinos heterossexuais contra a dominância do rock e desvalorização da música dance da contracultura durante este período. Mulheres abraçaram bem o estilo, sendo consideradas “divas”, vários grupos também foram populares na época. O estilo é conhecido por ser o primeiro abraçado por casas de dança, denominados "discotecas" e posteriormente apenas clubes.
As principais influências musicais incluem o funk, a música latina, psicodélica e o soul musicArranjos de música clássica como acompanhamento são frequentes no estilo, criando um som cheio de colcheias e fusas mas ao mesmo tempo muito repetitivo. A introdução de arranjos orquestrais é uma herança do som da Motown. As linhas de baixo elétrico vindo do funk, e os cantores geralmente preferiam cantar em falsete. Na maioria das faixas de discocordasmetais,pianos elétricos e guitarras criam um som de fundo luxuriante. Ao contrário do rock, guitarra é raramente usada em solos.
Nos anos 1970 os mais famosos artistas de disco eram Donna SummerBee GeesKC and the Sunshine BandABBAChic, os irmãos The Jacksons. Summer se tornaria a primeira artista de disco popular, recebendo o título de "Rainha da Disco", e também desempenhou um papel pioneiro no som da eletrônica, que mais tarde tornou-se uma parte da disco. Embora os artistas tenham acumulado a maior parte da atenção pública, os produtores por trás das cenas tiveram um papel importante na música disco, já que muitas vezes escreviam canções e criavam sons inovadores. O filme Saturday Night Fever contribuiu para o aumento da popularidade da disco music.
Durante o início da década de 1980, a disco music começou a sofrer preconceito nos Estados Unidos que criticavam as danças, e os amantes do estilo que eram minorias na sociedade como negros, mulheres e homossexuais. A música discoda década foi apelidada de Pós-disco, e o rock voltou a dominar as paradas estado-unidenses. Apesar da queda da popularidade nos Estados Unidos, adisco music continuou a fazer sucesso no mundo todo durante toda a década de 1980 até evoluir para os derivados de música dance/eletrônica populares nas décadas seguintes.

Resultado de imagem para studio 54

Barry White

1 Hora mixada

1 hora mixadaClique baixe .
 

Free Website Counters
Marco Aurelio Visitas